PSA é a sigla para Prostate-Specific Antigens (Antígeno Prostático Específico),uma substância produzida pela célula prostática que tem a função de liquefazer o sêmen após a ejaculação.  A concentração dessas células pode indicar alterações na próstata. O exame é simples e indolor e é feito em laboratório por meio da coleta de uma pequena amostra de sangue.

O exame é solicitado pelo médico urologista para o diagnóstico de doenças prostáticas, estadiamento do câncer de próstata, para monitorar a resposta do tratamento e detectar o câncer de próstata em caso de retorno da doença após o tratamento.

Doenças naturais como hiperplasia benigna da próstata que ocorrem invariavelmente pelo envelhecimento do homem também são identificadas com o PSA

O PSA é solicitado em casos de: 

- Homens acima dos 50 anos que estão em risco de câncer de próstata e com perspectiva de vida de pelo menos mais 10 anos.

- Homens com 40 anos em risco elevado como em casos de um parente de 1o grau que tiveram câncer de próstata antes dos 65 anos.

- Homens negros

- Homens com doenças crônicas

Como o teste é feito?   

Uma amostra de sangue é colhida e enviada ao laboratório para análise. O médico urologista pede a medição do PSA total, entretanto, em alguns casos também pode ser necessário a qualidade de PSA livre – ou seja, a quantidade que não está ligada a nenhuma proteína.

É necessário que o paciente esteja de jejum há pelo menos quatros horas. Recomendações como não ejacular por 48 horas antes da coleta, não realizar exercícios que causam impacto no períneo e não fazer sexo anal antes do exame também são necessários. 

O resultado

Para entender o resultado, é usado um padrão dos valores do PSA por década de vida do paciente. Exemplo: dos 40 aos 49 anos, dos 50 aos 59 anos, dos 60 aos 69 anos e homens com mais de 70 anos).

Cabe ao médico urologista avaliar o PSA, se está normal para cada paciente, considerando seu histórico e queixas clínicas. Assim, ele irá avaliar qual o melhor momento para iniciar uma intervenção.

A maioria dos casos diagnosticados de câncer de próstata confirmados pela biópsia são descobertos pela alteração do nível do PSA.

Fatores de risco para o aumento da PSA

- Situações como inflamação da próstata, conhecida por prostatite aguda ou crônica.

- Infecção urinária ou genital

- Retenção urinária aguda

- Câncer de próstata

- Aumento da idade, uso de medicamentos hormonais masculinos como testosterona. 



Para realizar o exame de PSA, basta agendar uma consulta na Renovare Urologia que nossa equipe estará pronta para melhor atendê-lo. Somos referência em urologia na Asa Sul. Marque sua consulta agora mesmo!